Poema dos meus Sentimentos

Atrapalhada
Atrasada
Pressionada pelo relógio
Caótica
Sinto sem absinto
Descompasso apressado
Ócio pernóstico
Olho tolo
Perdido dia
Insegura censura
Perdida
Manhã aflita
Incompetente sem
Tempo
Que tempo
Incompetência
Do tempo
Que tenho
Quero tempo
Quero palavras
Quero quero
Não entrego
Nem esmero
Socorro corro
Procuro palavras
Atrasada persistência
Ínterim que ri de mim
Tempo que ronda
Zomba
Vento alento
Destempo
Sentimento
Palavras avoadas
Finalizam
Inabilidade temporal
Final.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Vinícius

Dia difícil

Amar/Pirar/Apaixonar